Nutrição :: Dra. Joana Carvalho Costa

O acesso a uma boa nutrição passa por mantermos uma alimentação de qualidade, ou seja, equilibrada, variada e balanceada em nutrientes, que quando ajustados ao sexo, altura e estilo de vida de cada um de nós evitam o excesso de peso e diversas doenças. Nem sempre é fácil ajustar o nosso estilo de vida a uma alimentação correcta e por vezes deixamo-nos levar por planos milagrosos que são bastante prejudiciais para a saúde e não promovem a manutenção do peso perdido.

Pensando em si, a CMC criou a consulta de nutrição, onde pode ser acompanhada por um profissional especializado e após uma avaliação nutricional cuidada, descobrir o plano alimentar que melhor se ajusta às suas actividades diárias, promovendo a perda de peso e a posterior manutenção.

Dicas da nossa Nutricionista Dra. Joana Carvalho Costa
Recomendações para uma Alimentação Saudável

  • Faça pelo menos 6 refeições diárias.
  • Não faça jejuns prolongados, coma várias vezes ao dia pouca quantidade de cada vez.
  • Reduza o consumo de açúcar e alimentos açucarados (doces, bolos, refrigerantes, entre outros).
  • Prefira o pão de mistura ou integral ao pão branco.
  • Inicie a sua refeição com sopa ou salada, pois aumentam a saciedade e são baixos em calorias.
  • Preencha metade do seu prato com legumes/ salada, reservando a outra metade para os farináceos e a carne/peixe.
  • Prepare a base da sopa utilizando courgette, abóbora, couve-flor, cebola, nabo, xuxu, evitando a batata e as leguminosas.
  • Consuma 2 a 3 peças de fruta fresca por dia, de preferência fruta inteira e com casca, evitando os sumos.
  • Dê preferência a confecções com reduzido teor de gordura (cozidos, grelhados, assados e estufados em cru).
  • Evite as gorduras saturadas, presentes nas peles de aves, enchidos, charcutarias, conservas, molhos industriais, refeições pré-preparadas, manteiga, natas, leite, queijos gordos e amanteigados e alguns bolos.
  • Reduza a quantidade de gordura utilizada na confecção, dando preferência ao azeite.
  • Leia atentamente os rótulos dos produtos e prefira os que apresentam um menor teor de gorduras, açúcares e sal.
  • Substitua o sal por ervas aromáticas (cebolinho, manjericão, coentros, hortelã, alho, óregãos, salsa e alecrim) ou especiarias (pimenta, noz-moscada, piri-piri, colorau, e caril).
  • Opte pelas carnes brancas em detrimento das carnes vermelhas.
  • Consuma preferencialmente peixe, no mínimo 7 refeições por semana.
  • Consuma peixes gordos (arenque, cavala, salmão, sardinha, atum fresco e truta) 2 vezes por semana.
  • Consuma frutos oleaginosos com moderação, 1 vez por semana, pois apesar do seu efeito cardioprotector, apresentam um elevado valor energético.
  • Beba diariamente cerca de 1,5 a 2 litros de líquidos não açucarados por dia (água ou chá de ervas sem açúcar).
  • Evite o consumo de bebidas alcoólicas, são desprovidas de nutrientes e ricas em calorias.
  • Modere o consumo de café e bebidas com elevado teor de cafeína (chá preto, chá verde e bebidas estimulantes).
  • Pratique exercício físico pelo menos 3 vezes por semana.
  • Controle o seu peso quinzenalmente.

 

Nutrição :: Dra. Joana Carvalho Costa | CM Clínicas